A Aventura do Artur Batista da Silva das Tunas...



Ontem uma amiga comentou-me uma conversa tida entre ela e um suposto Tuno Peruano, radicado na Colômbia, que dizia e a propósito do estudo sobre a Tuna que e cito "só os licenciados em Ciências Sociais estão habilitados a escrever livros sobre a  historia da Tuna" e depois, indo mais além dizia e cito que "iria provar que a Tuna Feminina e Mista nunca existiu na transição do Séc. XIX para o de XX", citei, e na sequência da conversa entre essa minha amiga e o próprio.

Mesmo dando o sensato desconto de que numa conversa quem conta um conto acrescenta um ponto, e sem me alongar sequer sobre a questão mais cientifica sobre a pretensa "exclusividade" da escrita tuneril aos licenciados em Ciências Sociais (??!!), por absurda e desprovida de qualquer lógica sob que ponto de vista seja e por tal, a não merecer sequer comentário, que fará contraditório, já a segunda frase proferida me merece comentários.


Será missão impossível sem margem para duvida, mas aguardarei com toda a curiosidade e entusiasmo, diria até com indisfarçável medo a prova de algo que no "Qvid Tvnae" - e em outros livros, note-se - está amplamente documentado e  como tal, provado. Não consigo ir mais longe do que isto quando alguém se preparar e cito para provar que a Terra tem esquinas - mesmo que já amplamente provado que é redonda. Copérnico afinal tinha razão...

Mas mais importante que o disparate em si mesmo, embrulhado com aquela tradicional arrogância típica do ignorante que julga saber da poda mas depois diz estas e outras do género, é a noção clara que fica de que ainda há quem não admita que haja quem saiba, que não tolere sequer o conhecimento dos outros porque diminuidor do seu próprio quando deveria ser ao contrário e neste caso em apreço carregado de uma petulância parola que deve ser denunciada, até porque o senhor em causa quer e cito "escrever um livro que será a «verdade» sobre a Tuna", uma espécie de Tábuas de Moisés, o que de facto, me desperta curiosidade acrescida.

Fica claro que ainda há quem se julgue, qual Artur Batista da Silva das tunas, uma espécie de "Deus" da sabedoria, a ponto de colocar tudo e todos em causa, burlando com o seu ego tudo aquilo que está claramente comprovado, atestado e documentado apenas e só, presume-se, por tal não ir de acordo com "o-seu-conceito-de-tuna" - e cá está o perigo para o qual sempre alertei. Por cá, em Portugal, também os temos mas coitados, nem falar sabem, que fará escrever sobre a Tuna. Digamos que este peruano estará supostamente, a outro nível do disparate e da presunção fazendo-se passar por "estudioso" na matéria.

A rematar em grande nível, estilo e de forma perfeitamente humilde essa conversa tida, diz o senhor que "naturalmente quer uma copia do Qvid Tvnae mas de borla". Não só não a terá de borla - encomendará a mesma se assim quiser como qualquer outro mortal - como fica a promessa da minha parte de que quando sair o seu livro - se algum dia isso acontecer... - eu faço toda a questão de o comprar. Adoro uma boa comédia, embora em filme seja mais divertido o género...

Comentários

Eduardo disse…
Sem comentários...

Mensagens populares